Livro: A Vaca e o hipogrifo - MARIO QUINTANA - Sebo Online Container Cultura

Conainer Cultura

Olá, identifique-se ou cadastre-se para fazer pedidos

.

A Vaca e o hipogrifo

Descrição do Livro

  • Autor: MARIO QUINTANA
  • Editora: Folha de S. Paulo
  • ISBN: 9788599896440
  • Estante: Literatura Estrangeira
  • Idioma: Português
  • Peso: 503g
  • Ano: 2008
  • Dimensões: 21.00 x 14.00 x 1.00 cm
  • DESCRIÇÃO: - Livro Usado, higienizado e embalado termicamente. - Amarelamento acompanhado de manchinhas amareladas na parte interna das capas. - Leves desgastes nas bordas das capas - No geral, encontra-se em bom estado de conservação.
  • Localizador: 83258 / 1-A-5-3

Escolha outras opções.

A Vaca e o hipogrifo - sebo online
- Livro Novo.

Localizador: 48791 / 1-D-6-2

R$ 27,40Desconto - 13,70 com CréditosEu Quero!

História do Livro

a Arte da Guerra Espiritual Mulherzinhas (Coieç? doslivreros com br A vaca todo mundo conhece. Já o hipogrifo... Mas náo é justamente nesse contraste, entre o que há de mais prosaico e o que é da ordem do mito, que a poesia de Mario Quintana (1906-1994) inventa uma de suas chaves?

mais cultos e ao mesmo tempo mais diretos Quintana foi um dos poetas da nossa literatura. Nada do que escreveu deixa de sugerir a tradição dos séculos; mas tudo se dá de modo que qualquer um entende, o que explica e justifica a sua popularidade. "Tudo comporta o seu contrário; e a nossa alma […..] nunca deixa de estar do outro lado das coisas". Nesse mesmo espírito, o leitor pode entrar no livro em qualquer ponto. Há belezas e verdades toda Jod parte, espalhadas sem ordem fixa e sem a menor ostentação. Reunindo crônicas, poemas, anotações, anedotas e frases publicados ao longo de mais de uma década no suplemento literário do Correio do Povo, de Porto Alegre -muitos também, simultaneamente, na Folha de S.Paulo-

A Vaca e o Hipogrifo (1977) vale como verdadeiro compêndio da arte do poeta. Quintana foi, é e será para sempre o poeta de Porto Alegre. Nisso, como ele mesmo ensina, está sua chance de falar ao mundo. E assim como a circuns- tância local lhe serve de cifra do universo, também o teatro do estilo vira um instrumento para chegar a dizer o que ele quer. Mesmo aquilo que parecia datado, um tom meio fora de época, transcende agora o maneirismo e vem se confirmar como uma das vozes definitivas do seu e do nosso tempo. "O mundo era sempre de frente", diz ele, em meio a memórias da infância. Talvez só na infància, mesmo, se tenha força para ver o mundo assim; mas a poesia de Mario Quintana é um suplemento e tanto para quem perdeu essa primeira, espontânea forma de sabedoria, e agora quer se descobrir de novo, naquele ponto misterioso de entendimento das coisas, equilibrado entre o céu e a terra, entre o chão e o mito, entre a vaca e o hipogrifo. ARTHUR NESTROVSKI Editor da Publifolha e articulista da Folha ISBN 978-85-99896-44-0

Voltar aos Livros

Container Cultura Serviços de Varejo Ltda - Rua Frederico Weege, 400 - Centro - Pomerode/SC - 89107-000 - CNPJ 23.640.838/0001-45 - e-mail: contato@containercultura.com.br